Instalada a CPI para investigar distribuição de milho

por Raquel Maciel última modificação 30/10/2020 15h44
A comissão tem 60 dias, prorrogáveis por mais 30, para apresentar conclusões.

Nessa segunda-feira, dia 26, foi instalada a Comissão Parlamentar de Inquérito – CPI, para instalar a distribuição de milho no programa “Troca-troca de sementes” nos anos de 2016 e subsequentes.

O vereador Nico Padilha é o presidente da CPI, Vergilio Matias é relator, e os vereadores Adilson Barbosa, Erico Almeida, Karin Uchôa, Leandro Lima e Tiago Antunes são membros. A partir de agora a comissão tem 60 dias, prorrogáveis por mais 30, para apresentar conclusões.

Cabe destacar que, segundo o Regimento Interno da Câmara de Vereadores, a CPI pode determinar diligências e perícias, ouvir acusados, inquirir testemunhas, requisitar informações, requerer a convocação de secretários do município e praticar atos indispensáveis para o esclarecimento dos fatos.

(Texto: Assessoria de Imprensa / Foto: Divulgação).